domingo, 4 de agosto de 2013

As diversões e as lições das férias escolares em casa

Oi meninas!

Dei uma sumidona, mas vou precisar de um post inteiro para explicar os motivos, mas enquanto isso vamos a novos assuntos!

Hoje quer compartilhar com vocês meu aprendizado sobre as férias escolares do meu filhote

Em meados de junho começou a bater o desespero em pensar o que fazer com ele em casa nesses 30 dias?!  A escola  que ele estuda esse ano abriu curso de férias ( que na minha opinião é a melhor saída para quem não tem com quem deixar os filhos) e a minha primeira ideia foi matricula-lo, mas como eu e o papai já tínhamos montado nosso esquema de ficar com ele, achei injusto deixa-lo sem férias, mesmos sabendo que ele se divertiria muito na escola.

E como vocês sabem eu só gosto das coisas se for com emoção rs, a questão da programação de férias ficou martelando na minha cabeça, porque eu não queria simplesmente distraí-lo, queria do fundo do coração que ele curtisse esse período, afinal quem não tem lindas lembranças da infância nesses períodos férias escolares?

Mas alguns fatores pesavam contra a minha vontade

-não iriamos viajar;

- eu e o papai precisávamos conciliar o "cuidar" do filhote com o trabalho, ou seja estava literalmente arrumando pra minha cabeça,  mais atribuições e ainda querendo divertir o filho,  só pode ser coisa de mãe doida rsrs né?!

 Mas eu e  o marido decidimos que que daríamos nossos pulos e que nosso filho teria a cada dia  uma atividade divertida.

E acabamos tendo a felicidade de nos surpreender com as possibilidades de atividades que existem para divertir a criançada, mesmo morando numa cidade pequena do interior, mesmo tendo pouco tempo, sem investir muito ou até sem investir nenhum dinheiro.

A lógica é mais ou menos assim, eles estão sem fazer nada e tudo que nos dispusermos a fazer com eles será uma aventura,e com muito orgulho afirmo a vocês que meu filho teve férias maravilhosas claro que as atividades não eram  todo dia o dia todo, (mas eu bem  acho que ele se divertiu o tempo todo hehe).

Meu marido até criou um álbum no FB compartilhando o como diário de férias,  muitas pessoas curtiram a ideia e perguntavam como estávamos conseguindo arrumar tanta atividade e diversão por pequeno.

Como toda criança merece diversão vou compartilhar com vocês algumas atividades e dicas para que essa diversão seja possível, se alguém quiser se inspirar, as próximas férias estão chegando hehehe

Atividades para um mês inteiro de férias em casa:

-logo no segundo dia percebi que não dava pra deixar ele brincar onde quisesse que não era possível encontrar brinquedos por todos os cantos da casa, da sala a geladeira, então resolvi arrumar disposição e arrumar um canto na casa para montar uma brinquedoteca, que no caso funcionou como um QG de férias, podiam brincar o dia todo, espalhar todos os brinquedos e no final do dia tinha que guardar tudo, mas quem tem filho sabe que isso não acontece todos os dias.
Então no dia que os brinquedos não eram guardados eu simplesmente fechava a porta e fazia de conta que aquela bagunça não era na minha casa e assim arrumava pique pra o dia seguinte

- aventuras na cozinha, ajudar a preparar pipoca, gelatina, bolo, pão de queijo e afins, para mim era uma bobeira mas pra ele uma verdadeira experiência gourmet

-Receber os amiguinhos em casa no dias que estávamos mais "folgados" e manda-los para a casa deles nos dias mais tensos.

-Organizar piqueniques no parque, na praça, na sala, enfim em qualquer lugar disponível.

-passeios a parquinhos e pracinhas podem ser tão divertidos quanto um dia no Magic Kingdon, assim como passeios de bicicleta

- passear no shopping sem comprar nada, (essa eu aprendi na Super Nanny), só um sorvetinho ou a ida em alguns brinquedos

-cinema e lanchinhos no Mc Donalds, tudo bem que é não é nutricionalmente correto, mas quem não gosta de ganhar um brinquedinho

-descobrir os restaurantes que tem parquinho

-pipoca com filminho em baixo do edredom nos dias frios, para nós adultos um acalento pra alma para as crianças a melhor companhia do mundo para assistir pela 12567 aquele filme/desenho favorito

- brincar sozinho também é ótimo para os pequenos, criatividade  e independência a mil.

-brincar na rua com os vizinhos, se o local for seguro, é uma atividade e tanto,  passeia infância toda fazendo isso e dessas brincadeiras vem minhas mais doces lembranças

-uma pescaria, num rio de verdade, num pesque e pague ou pesque e solte 

fazer cabaninha em casa ou no quintal

-soltar pipa

-atividades escolares, massinha, recortes, colagem, pintura.

-envolve-los nas nossas atividades, mesmo nas profissionais quando for possível, o meu filhote foi ao Fórum, ao escritório, ao banco, a agência e achava o máximo trabalhar com o papai e a mamãe, depois do trabalho sempre tínhamos uma recompensa; um sorvete, um lanche, uma ida ao parquinho.

Devo ter esquecido de alguma atividade, mas a questão primordial foi adaptar nossa rotina e arriscar atividades que pudessem resultar em alegria.

 Quase tive um treco quando percebi que ele amou ir fazer compras num supermercado que eu tenho pânico de entrar, e que fazer exame de sangue e depois tomar café da manhã na padaria também poderia ser considerada uma atividade de férias.

Enfim a grata lição que ficou dessas férias foi que não importa o quanto tempo, o quanto dinheiro e quantos brinquedos se possa comprar para os filhos, o que importa de verdade é a disposição, a vontade e o prazer em se estar com eles.

Vi no meu filho um grande  salto em seu desenvolvimento, ele entendeu melhor o que são as regras, consegui entender que é necessário fazer algumas coisas chatas para depois fazer as divertidas.

Meu coração se encheu de alegria ao final das férias quando pude vê-lo voltar as aulas cheio de alegria e confiança, e fiquei emocionada ao perceber que ele já tinha saudades dessas férias, com a sensação de dever cumprido.

Uma frase que está em todas as redes sociais, que parece mais uma dessas frases prontas mas que é puramente real é para estar nas lembranças do seu filho  de amanhã é preciso estar presente no hoje dele


Bjus

Um comentário:

  1. Muito legal Cá, vocês curtiram mesmo.
    Bjo.
    Pam.

    ResponderExcluir

Conversa comigo!